Apple inicia processo legal contra a Epic por quebra de contracto

A guerra entre a Apple e a Epic Games promete continuar a dar que falar e agora temos um novo desenvolvimento por parte da dona do iPhone que pretende sancionar o acto da Epic em Fortnite.

A Apple apresentou um novo processo legal, no qual afirma que a Epic Games quebrou propositadamente os termos do contrato efectuado para a App Store ao apresentar dentro do seu próprio jogo um método alternativo de pagamento.

Segundo avançado pelo TheVerge, a Apple acredita que apesar da Epic Games querer fazer-se passar pelo Robin Hood, na verdade está a apenas a tentar aproveitar-se dos benefícios da plataforma iOS sem contribuir com nada.

“Apesar da Epic se auto retratar como um moderno Robin Hood empresarial, na verdade é uma empresa que vale vários multi-milionária que simplesmente não quer pagar nada pelo tremendo valor que recebe da App Store.”

“O flagrante desrespeito da Epic pelos seus compromissos contratuais e outras quebras de conduta causaram danos significativos à Apple. Se ficar impune, a conduta da Epic ameaça toda a existência do ecossistema iOS e do seu tremendo valor para os consumidores.”

Este é o mais recente desenvolvimento nesta disputa, que começou quando a Epic Games quebrou as regras da App Store e apresentou uma forma de pagamento de micro-transacções directamente em Fortnite, parecendo uma espécie de resposta ao apelo da Epic Games ao tribunal sobre a necessidade de colocar Fortnite de novo na loja iOS.

No final do mês, as duas companhias vão-se enfrentar novamente na sala do tribunal, após uma primeira sessão na qual a Apple foi forçada a permitir que a Epic Games continue a apoiar o Unreal Engine para iOS, mas que não permitiu colocar novamente Fortnite na loja sem estar de acordo com as regra da Apple.

Fonte: EuroGamer