Violar regras do Facebook pode limitar ou bloquear o acesso ao Oculus

Com a união oficial entre os dispositivos de realidade virtual Oculus e as contas Facebook, uma violação da regras da rede social pode resultar numa limitação ou mesmo bloqueio nos conteúdos que compraste para o dispositivo.

Em Agosto, o Facebook anunciou que a partir de 1 de Janeiro de 2023 será obrigatório ter uma conta na rede social para iniciar sessão nos dispositivos Oculus. Os utilizadores com uma conta Oculus podem desde já optar por unificar a conta ao Facebook, de forma a prepararem-se para a obrigatoriedade futura.

Os utilizadores sem conta no Facebook, ou que não querem unir a sua conta à Oculus, sugeriram que iam criar uma conta falsa para resolver o assunto, contudo, isso é uma violação das regras do Facebook e pode resultar em penalizações.

O RoadToVR contactou o Facebook para perceber como a violação das regras pode impactar o acesso aos conteúdos dos dispositivos Oculus

“Se entrares usando a tua conta Facebook, ou juntares as tuas contas da Oculus e Facebook, e violares os Padrões de Comunidade do Facebook, a Conduta na Política de VR ou outros termos e políticas em qualquer plataforma nossa a que acedes, o teu uso dos produtos Oculus pode ser afectado,” disse um representante.

“Se a tua conta for completamente desactivada como resultado desta violação, também podes perder acesso aos teus conteúdos e jogos. Estamos comprometidos em manter todas as nossas plataformas seguras.”

Quando questionado se os utilizadores banidos do Facebook ainda poderão jogar os conteúdos offline que compraram para os dispositivos Oculus, a resposta foi que muitos dos detalhes ainda não foram definidos.

Esta semana o Facebook vai revelar o Oculus Quest 2, o seu novo dispositivo de realidade virtual. Os primeiros detalhes já foram revelados através de vídeos publicados antes do previsto.

Fonte: EuroGamer