Redmi Smart TV A series é a nova linha de Smart TVs de baixo custo da Xiaomi

A Redmi anunciou oficialmente hoje que mais uma nova série de TVs estará disponível em um futuro próximo. A série é anunciada é a Redmi Smart TV A series, e de acordo com a marca, os produtos serão lançados em breve.
A nova linha de televisores promete trazer smart TVs com baixo custo, e que logo deve começar a aceitar pré-encomendas.

Entretanto, os detalhes sucintos da série Smart TV A ainda não foram revelados, e possivelmente só devem sair a partir do início das pré-vendas.
No entanto, espera-se que suas características sejam semelhantes às oferecidas pela Xiaomi em seus modelos Mi TV 4, mas com um preço menor para continuar a conquistar participação de mercado, especialmente na Índia, país em que se tornou a vendedora com maior participação de mercado.
Por falar em recordistas, é importante lembrar também da Redmi Smart TV Max, que vendeu 1000 unidades em apenas 3 minutos.

Apesar disso, o que já se sabe é que a série smart TV é mostrada no teaser em cinco tamanhos de tela diferentes: 32 polegadas, 43 polegadas, 50 polegadas, 55 polegadas e 65 polegadas.
Há algum tempo, a Redmi também quer seguir os passos de sua mãe Xiaomi, propondo soluções de smart TV igualmente particulares, como a enorme Redmi TV de 98 polegadas.
Em relação ao preço, tendo em consideração algumas semelhanças com os produtos anteriores da Xiaomi, a nova Redmi Smart TV A poderia ter um preço inicial de cerca de 140/150 euros para a variante de 32 polegadas.
Em maio, quando a Redmi realizou o evento de lançamento da série Redmi 10X , a marca Xiaomi também revelou a série Redmi Smart TV X. A nova série da TV X foi anunciada em três tamanhos diferentes, com o menor modelo de 50 polegadas adotando um preço abaixo de 2.000 Yuan (US $ 280).
Além disso, o pôster mostra que a nova série de TV A adota um design de moldura ultrafina, que se parece muito com a série X em geral. A série X está disponível apenas nas versões de 50 polegadas, 65 polegadas e 55 polegadas.Fonte: GizmoChina, Xiaomi4Mi, XiaomiToday

Fonte: MundoConectado