Designer reúne rumores plausíveis sobre iPhone 12 em vídeo; assista

O iPhone 12 ainda não foi oficialmente apresentado, mas não é de hoje que rumores sobre o seu visual aparecem na internet. Pensando em fornecer uma ideia do que vem por aí, o designer DMJ4D preparou um vídeo reunindo os rumores mais prováveis sobre a aparência do dispositivo. Veja também: iPhone 12 ‘mini’: Apple pode lançar smartphone de 5,4 polegadasiOS 14: veja o desempenho do iPhone 6s e SE após a atualizaçãoiPhone 12 pode custar a partir de US$ 749 e vir sem carregador e foneNovos iPhones podem ser revelados oficialmente em outubro

Como foi adiantado em um tuíte que mostra a carcaça do aparelho, é possível que a nova linha do iPhone tenha laterais planas e metálicas, lembrando o design “retrô” do iPhone 5 e da primeira geração do iPhone SE.

Esse retorno pode não parecer uma boa ideia a princípio, mas, visualizando sua execução, na prática, dá para entender porque a Apple quis trazê-lo de volta. As laterais planas funcionam bem com a tela sem botões – e, surpreendentemente, elas não fazem o visual do aparelho parecer ultrapassado.    Render do possível visual das câmeras no iPhone 12. Imagem: Reprodução/DMJ4DAs câmeras traseiras seguem o mesmo estilo do iPhone 11 Pro, que carrega um conjunto de três lentes. A novidade, aqui, é a presença do sensor LiDAR, que já existe no iPad e é utilizado para calcular a distância dos objetos, criando um mapeamento 3D do ambiente e, assim, melhorando a fotografia e os efeitos de realidade aumentada.

Quanto às cores, o vídeo sugere as três usuais (vermelho, branco e preto) e uma novidade, a “azul meia-noite”, claramente inspirada no verde meia-noite dos iPhones 11 Pro e 11 Pro Max. Novamente, vale frisar que o conceito apresentado não passa de um rumor – mas ficou bem bonito, e ninguém reclamaria se a Apple se inspirasse nele.Possíveis cores do iPhone 12. Imagem: Reprodução/DMJ4DApesar de reunir características plausíveis para o iPhone 12, algumas novidades presentes no vídeo são fruto da imaginação do designer. É muito improvável que o aparelho tenha brilho máximo de 1.600 nits e “Face iD duas vezes mais rápido”. A versão dobrável exibida como “bônus” também pode ser descartada. Já a bateria com acréscimo de quatro horas de duração até poderia acontecer, mas não é algo que se espera. Circulam rumores de que a Apple pretende utilizar baterias menores para introduzir novos componentes nos smartphones.Nesse caso, a perda de capacidade seria compensada pelo novo chip A14 Bionic, que é mais eficiente. Em suma, é provável que a bateria não fique pior, mas também não tenha uma melhora significativa. Via: Tom’s guide

Fonte: OlharDigital